Investimentos têm bom resultado no 1º semestre, mesmo em cenário de crise

O fechamento dos números financeiros do primeiro semestre revelam que a rentabilidade acumulada em 2021, até junho, é de 6,44%, chegando muito perto da meta atuarial que chegou a 6,45%. A meta atuarial é a rentabilidade necessária para que a Fundação cumpra seus compromissos de longo prazo, no caso a variação do INPC mais 4,86%. Ou seja, o rendimento foi muito satisfatório.

A rentabilidade da carteira da CASANPREV superou, e muito, o rendimento acumulado da Poupança (0,87%) e do CDI (1,28%) no mesmo período. Outras entidades semelhantes à Fundação tiveram muita dificuldade de se aproximar da meta, devido às turbulências do mercado financeiro.

Entidades previdenciárias como a CASANPREV, na média, estão tendo muita dificuldade para obter rentabilidades compatíveis com as metas de seus planos, havendo inclusive acúmulo de déficits em várias situações. Neste sentido a Fundação tem sido um destaque positivo.

VEJA AQUI A ÍNTEGRA DOS RESULTADOS DO PRIMEIRO SEMESTRE

A economia mundial e do Brasil em particular estão passando por um momento de muita instabilidade e volatilidade. Os efeitos da pandemia e da recessão global estão presentes nos números que sobem e descem, especialmente nas bolsas de valores.

O desafio da CASANPREV é obter rendimento com baixa exposição a riscos. Por isso, a composição da carteira é conservadora, com 55,1% dos investimentos direcionados à renda fixa. Apenas 20% dos investimentos estão alocados em renda variável (bolsa de valores) e o restante em investimentos estruturados, empréstimos aos participantes e imóveis.

A política de Investimentos da Fundação é determinada pelo Conselho Deliberativo com base em formulação do Comitê de Investimentos.

AQUI A ÍNTEGRA DA POLÍTICA DE INVESTIMENTOS

Cenário

Os bons resultados do primeiro semestre, no entanto, não diminuem a apreensão com relação aos resultados futuros. O início do segundo semestre foi dramático na economia mundial que ainda sofre os efeitos da pandemia e ainda acumulou adversidades com desastres ambientais (enchentes, incêndios, furacões e estiagens). No Brasil, a tudo isso, soma-se a instabilidade política que tem reflexos diretos na economia que tem a volta da inflação e a dificuldade de enfrentar o desemprego como principais características.

A CASANPREV vai prosseguir com a metodologia profissionalizada de análise dos mercados e sempre norteada pela sua Política de Investimentos.

Similar Articles

Comments

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Advertismentspot_img

Instagram

Most Popular