Rentabilidade de 2022 foi de 7,71% na CASANPREV

0
1166

A CASANPREV obteve rentabilidade de 7,71% em 2022. Um ótimo resultado se comparado a outros indicadores tradicionais da economia como o Ibovespa, que ficou em 4,69%, o INPC, que ficou em 5,93%, ou o IPCA, que ficou em 5,79%.

A boa rentabilidade não foi suficiente para atingir a Meta Atuarial que é um valor alvo estabelecido para o patrimônio de um plano de previdência complementar, que deve ser suficiente para cobrir as obrigações futuras com os seus participantes. É calculado com base em estimativas atuariais, levando em consideração fatores como expectativa de vida, taxas de juros e de contribuição, entre outros. No caso da CASANPREV a Meta é a variação do INPC + 4,86%, que em 2022 acumulou 11,08%.

Não alcançar a meta dos planos tem sido o principal problema dos Fundos de Pensão que, desde de a crise de 2008, operam num mercado extremamente volátil. Este cenário tem levado a uma parcela considerável dos Fundos de Pensão ao equacionamento de déficits técnicos. Nos Fundos que até agora conseguiram se equilibrar com as suas metas atuariais também estão, por conta de um cenário financeiro adverso, na iminência de fazer o equacionamento.Mas é preciso sempre olhar na perspectiva de longo prazo a resolução dos problemas de rentabilidade e metas dos fundos pensão.

Historicamente a CASANPREV vinha superando com folga a Meta Atuarial.  As perspectivas econômicas eram otimistas no período final de 2019 para o início de 2020. No entanto, em 2020 nos deparamos com a maior crise financeira da história recente. A crise da COVID-19, que em um curtíssimo espaço de tempo ocasionou alta deterioração dos mercados e ativos, com seus efeitos ainda vivenciados na atual conjuntura economia nacional e global. O ano de 2022 foi agravado pela persistência da inflação alta, apesar da manutenção da taxa de juros (SELIC) imposta pelo Banco Central nos patamares de 13,75% a.a., refletindo assim um baixo crescimento do PIB brasileiro. 

As profundas implicações do surto inflacionário mundial em diferentes estágios e, com diferentes graus de atuação dos Bancos Centrais em suas políticas de aperto monetário, buscando reverter seus ciclos inflacionários.

A guerra na Ucrânia com seu território invadido pela Rússia, trouxe implicações para a economia brasileira e mundial, quer na dificuldade de obtenção de fertilizantes à agricultura ou o abalo nas cadeias de distribuição global e no quadro geopolítico.

O processo eleitoral de 2022 trouxe mais volatilidade à economia brasileira, sobretudo pelo descontrole dos gastos públicos que aumentou o déficit  fiscal do país, criando sérias dificuldades para o equilíbrio das contas públicas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui